Diálogos Socioambientais na Macrometrópole Paulista

Apresentação
 
Esta publicação é uma produção do Projeto Temático FAPESP 2015/03804-9 "Governança Ambiental da Macrometropole Paulista face à Variabilidade Climática", parte do Programa FAPESP Mudanças Climáticas Globais, coordenado pelo professor Pedro Roberto Jacobi (IEA/IEE/USP), sediado no Instituto de Energia e Ambiente (IEE), e que reune docentes de diversas unidades da Universidade de São Paulo (IEE, IO, FSP, FEA, IAG, EACH, ECA, IEA), do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), do Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e dos programas de Pós Graduação em Planejamento e Gestão do Território (PGT) e de Políticas Públicas (PGPP) da Universidade Federal do ABC (UFABC).
 

Edição atual

 
VOLUME 3/Nº3/JULHO.2019 - Planejamento Territorial na Macrometrópole: entre atores e instrumentos.
[Link]
 
 
 
Expediente
Editores
 
Pedro R. Jacobi
Luciana Travassos
Ana Carolina A.Campos
 
Conselho Editorial
Andrea Lampis
Celio Bermann
Edmilson Freitas
Klaus Frey
Leandro Giatti
Pedro Torres
Sandra Momm
Tatiana Rotondaro
Vanessa Empinotti
 
 
 
Normas para publicação
 
Na redação do texto os autores deverão observar as seguintes orientações:
 
  • O tema de cada artigo é sugestão temática norteadora por parte dos organizadores para guiar os autores, podendo ser alterado pelos mesmos.
  • O recorte da Macrometrópole paulista pode tanto ser utilizado de forma sistêmica, como recorte geográfico ou mesmo a escolha de uma cidade, uma região que esteja inserida dentro da MMP.
  • Entende-se por MMP o conjunto dos 174 municípios formados pela soma das regiões metropolitanas de São Paulo, Baixada Santista, Campinas, Vale do Paraíba e Litoral Norte, Sorocabana, além das Aglomerações Urbanas de Jundiaí e Piracicaba. https://www.emplasa.sp.gov.br/MMP
  • O texto deve ser estruturado da seguinte forma: Título, autor e co-autores em ordem de relevância para o texto, palavras-chave , introdução, desenvolvimento do texto, referências. Notas de rodapé e/ou de fim de página são opcionais e devem ser evitadas ao máximo.
  • O documento deve ser submetido em formado doc. ou docx. ou .odt
  • Fonte Arial 11 e espaçamento 1,5 (um e meio) entre linhas.
  • O texto deverá apresentar as referências ao final.
  • O arquivo todo do manuscrito deverá ter o máximo de 2 páginas. Poderá haver excepcionalidades em casos de utilização de mapas, gráficos e tabelas essenciais a compreensão do texto.
  • Título do artigo deve ter, no máximo, 15 palavras.
  • As Palavras-chave, devem ser no mínimo 3 e no máximo 5.
  • Elementos gráficos (Tabelas, quadros, gráficos, figuras, fotos, desenhos e mapas) são muito bem vindos. São permitidos apenas o total de três elementos ao todo, numerados em algarismos arábicos na sequência em que aparecerem no texto. Observar as normas da ABNT para referências e inserção de legendas e fontes em cada elemento. Devem estar em formato original que permita edição, no corpo do texto.
  • Imagens coloridas e em preto e branco, digitalizadas eletronicamente em .jpg com resolução a partir de 300 dpi, apresentadas em dimensões que permitam a sua ampliação ou redução mantendo a legibilidade.
  • As notas de fim de página são de caráter explicativo e devem ser evitadas. Utilizadas apenas como exceção, quando estritamente necessárias para a compreensão do texto e com, no máximo, três linhas. As notas terão numeração consecutiva, em arábicos, na ordem em que aparecem no texto.
  • Número de Referencias não deve ultrapassar cinco.
 
 
 
Endereço de contato
Periodicidade: trimestral
Instituição responsável
Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo
Avenida Professor Luciano Gualberto, 1289
Cidade Universitária CEP 05508-010 - Butantã - São Paulo SP
 
 
Edições anteriores

VOLUME 2/Nº2/ABRIL.2019 - Barragens e Mineração na Macrometropole: impactos dos desastres de Mariana e Brumadinho.
[Link]

 
VOLUME 1/Nº1/DEZ.2018 - Transformando relações entre sociedade e resíduos.
[Link]
 
VOLUME1/Nº0/OUT.2018 - Reflexões sobre meio ambiente, política, sociedade e governança.
[Link]